Diário de Emagrecimento #1 Começar a Emagrecer

Esse post é um pouco mais pessoal, aqui vou falar sobre minha dieta e plano de emagrecimento para começar a emagrecer. Confesso que ainda não tenho um super plano, mas começar a escrever para vocês sobre esse assunto para mim já faz parte do plano, para deixar registrado publicamente esse meu objetivo, e me cobrar agora para começa-lo.

Começando a perder peso

Quero contar um pouco de minha estoria com o peso, bem rapidinho. Na adolescência eu era magrinha,50-52 kgs, mas adquiri uma barriguinha que me incomodava e me fazia me sentir gorda, agora eu sei o que é ser gorda, e eu não era.

Quando terminei o ensino médio foi que a coisa desandou, fui engordando muito com os anos, comendo muita besteira em horários inadequados, com bastante frequência, sem fazer atividade física nenhuma e ficava em casa a maior parte do tempo.

De vez em quando eu “tentava” emagrecer, mas não fazia nenhuma dieta de forma séria, com força de vontade e disciplina. Tenho até hoje uma revista com a dieta dos pontos, que tentei fazer. Quando penso nisso é engraçado, e me faz lembrar da propaganda comparando as calorias do azeite de oliva com o da maionese industrial, como se você pudesse substituir uma pela outra pelo simples fato de terem as mesmas caloria ou a maionese ter menos, não me recordo bem. E tinha mentalidade popular de que para emagrecer não pode comer nenhuma gordura, tem que comer pão, biscoito e arroz tudo integral e comidas light.

Quando cheguei aos 59 kgs me assustei muito pois estava quase com 60 kgs, fiquei determinada a perder peso. Comecei a acordar cedo para fazer exercícios físicos, a comer menos, principalmente a noite, cortei gordura e açúcar, nos sucos substitui açúcar por adoçante, diminui carboidratos, comia mais integrais,substitui algumas coisas para versão light, tipo requeijão, creme de leite, margarina era becel, eu não estava seguindo nenhuma dieta famosa. Meu irmão e eu pesquisamos por “remédio para emagrecer”, chamado de termogênico, em formato de cápsula, nós nunca fomos a favor de remédio emagrecedor, mas como esse era composto por ingredientes naturais, seu efeito emagrecedor era termogênico, e é utilizado por atletas, resolvemos utilizar.

Em poucos meses perdi praticamente todo aqueles 9 kgs que ganhei. Conclusão, aquela doidera deu “certo”, fiquei magrinha. Agora vou contar como foi minha experiência com esse método de emagrecimento. Eu passava muita fome, pois evitava comer demais, porque aprendemos que comer demais engorda, né. Acordar cedo e fazer exercícios físicos me fez muito bem, um ponto positivo. Segui direitinho as instruções de como, quando e por quanto tempo tomar o termogênico, por tinha um certo medinho daquilo me fazer algum mal. Ele dava uns efeitos colaterais que já era previsto que poderia acontecer, tremia um pouco a mão, calor e suor aumentava. Usei pelo prazo recomendado, dei a pausa para continuar a tomar o restante. Deixo claro novamente que segui as instruções do fabricante, não inventei nada.

A verdade é, o que me fez realmente emagrecer não foi a dieta em si, mas o uso do termogênico, e os exercícios físicos apesar de não ser obrigatório, potencializa o efeito do termogênico, digamos 2x mais.
Não estou aqui de maneira alguma incentivando a você nem ninguém a tomar medicamentos termogênicos, tanto que não irei escrever aqui nem nos comentários, caso alguém pergunte, qual o nome do termogênico que usei, só digo que é um dos mais famosos e caros que tem.Tão pouco estou incentivando a fazer a dieta que fiz, se você quer um incentivo para algo, faça a parte em de acordar cedo e se exercitar.

Hoje em dia não concordo com aquela dieta, e não farei novamente. E qual o problema com o termogênico? Ainda concordo que a ação do termogênico seja eficaz, afinal comprovei isso por experiência própria, e não acho que faça mal. Porém, estamos falando aqui de remédios termogênicos, alguns muito fortes inclusive. Pessoas com certos problemas de saúde não podem tomar esse medicamento, entre elas hipertensão arterial e cardiopatias.

Quando passado o prazo de descanso, comecei a tomar novamente o termogênico, porém não estava me sentindo muito bem. Se a causa era as pílulas de termogênico não posso afirmar com certeza, mas  algumas vezes, logo após tomar a cápsula, sentia dores nos membros, mas não eram como dores musculares. A causa também poderia ser psicológica por conta de algumas coisas que li sobre estimulantes, pois o termogênico é feito com ingredientes estimulantes, então posso ter começado a “sentir” essas dores quando tomava o termogênico. Tomei por uns dias e parei.

Existem alimentos termogênicos, como o óleo de coco e o chá verde por exemplo, caso queira testar indico fazer dessa forma mais natural, dá uma pesquisada na net para achar outros alimentos termogênicos.

Eu consegui manter meu peso por um tempo, e se a coisa não tivesse desandado novamente, poderia estar até hoje. Mas quando mudei para uma cidade do interior por causa do trabalho, e fiquei muito triste e insatisfeita com tudo, comecei a engordar, pois a comida era meu conforto. Mas foi tudo muito aos poucos por 1 ano, quando entrei de férias pela primeira vez, dormia tarde, comia a madrugada toda todos os dias, e acordava tarde. Eu meio que já tinha passado por isso depois do ensino médio por isso engordei muito, como já contei. A diferença agora era que eu tinha dinheiro para comprar todas as comidas porcarias que eu quisesse. Nesse um mês de férias engordei pra caramba, e não parei mais, isso foi em 2013, e até hoje, continuei a engordar, não tão rapidamente, mas aos poucos.

Entre uma tentativa de perder peso e outra, em Dezembro de 2015, fiz dieta cetogênica por 13 dias. Essa dieta dura 15, no 14 era véspera de natal, então nada de dieta. É que eu descobri ela em cima da hora, mas estava determinada a virar o ano com uns quilinhos a menos, fui e fiz. Não perdi 20 kgs como a menina do vídeo disse ter pedido, mas perdi 2-3 kg. Virei de ano com 62 kgs. Hoje me pesei na mesma balança que estava usando durante a dieta, estou com 68.450, quase chegando aos 70. Quero perder 1 kg até o meu aniversário, daqui a 10 dias.

Vem comigo?

Acompanhe essa série de artigos, quem sabe algum vídeo também, sobre tudo que estou fazendo para perder peso e perder barriga, e meus resultados. Meu objetivo é chegar aos 60 kgs até o final do ano.9 kgs em 5 meses parece ser pouco, mas como uma mocinha de um blog sobre dieta paleolítica disse em um vídeo, mais ou menos assim :

Se parássemos de querer perder muito em pouco tempo (tipo 10 kgs em 1 mês), e nos concentrássemos em perder 1 kgs por mês por exemplo, e você tivesse começado ano passado, poderia já ter perdido todo o peso que queria, em vez de ficar tentando perder um monte e se frustrando toda vez e começar tudo de novo.

Tenho que concordar com ela, já são anos tentando emagrecer, e você provavelmente também, a maioria das pessoas que querem emagrecer, passam por isso, ficam anos tentando perder 15 kgs em 1 mês. Não estou dizendo que não é possível perder bastante em um tempo curto, mas que enquanto não perde todos os quilos que quer, que tal ir perdendo um pouquinho por mês, é melhor do que acontece na maioria das vezes, não consegue perder 5 kgs, mas ganha meio kg. Aff!!!!

Passo 1 do emagrecimento: Desintoxicar

Esse é meu projeto verão pessoal.
Já li sobre isso em um e-book uma vez e relembrei essa semana assistindo um vídeo. Antes de qualquer processo de emagrecimento, para que dê certo, é preciso desintoxicar o corpo. Nosso organismo está inflamado de toxinas dos alimentos industrializados que consumidos. Para começar o processo de limpeza indico fazer detox, e porque não começar a perder uns quilinhos com isso, pois os sucos  detox também tem poder de queimar gorduras, aprenda mais sobre o que é e como fazer dieta detox, e 50 receitas de sucos detox. Vou falar mais sobre no próximo post.

Deixe seu comentário, please. E siga-me os bons.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *